Fique sabendo tudo o que for relacionado a irrigação.

Ver mais notícias

Como começar uma criação de gado

Como começar uma criação de gado

A criação de gado é um trabalho bastante lucrativo e pode garantir bons incrementos financeiros na vida de um agrônomo ou empreendedor.

Como qualquer nova iniciativa, porém, é preciso organização e planejamento. Se você sonha em empreender nesta área e ter sucesso, nós trouxemos algumas dicas para você começar a sua criação de gado com o pé direito. Confira abaixo!

1 – O espaço

Não há um tamanho mínimo para o tamanho da área de criação ou para a quantidade de cabeças para que se possa ter certeza que o negócio será lucrativo. Na verdade, a produtividade e lucratividade do gado depende muito mais da fertilidade do solo, o acompanhamento do clima, as fases da produção, localização da propriedade, etc.

Esses fatores, nós trouxemos mais detalhados nos itens a seguir, para que você crie uma boa noção do todo necessário.

2 – Invista em estrutura

A dica, para o ponto de partida, é que pelo menos se tenha moradia e curral para os animais. Todo investimento é alto, mas se você quiser começar da forma ideal, vale a pena adquirir bebedouros em cada divisão do pasto, cochos para cada tipo de suplemento e curral para vacinação dos animais.

Mas não se preocupe se não puder deixar tudo completo desde o início: a estrutura vai melhorando ao longo do tempo!

3 – Entenda a criação do gado

Em primeiro lugar, quando se trata da criação, é preciso definir a raça do gado de corte, já que a escolha faz diferença na qualidade da carne. Além disso, não deixe de avaliar a saúde do animal e invista em criações com boas referências no mercado. Algumas opções são:

  • Simental;
  • Red Poll;
  • Angus Hereford;
  • Galloway;
  • Shorthorn.

Fases principais de criação

É importante também entender que o gado de corte possui três fases. Veja a seguir:

  1. Criação: onde se preocupa com as questões de reprodução;
  2. Recria: a partir do desmame do bezerro, o foco é o crescimento com saúde;
  3. Engorda: onde se direciona a alimentação para o ganho de peso;

Forma de manejo

Também vale a pena já pensar, no início, qual será a forma de manejo escolhida para alimentar os animais:

  • Pecuária extensiva: o gado é criado solto no pasto, com alimentação mais natural;
  • Confinamento: os animais são criados em pequenos espaços, com alimentação em forma de ração.

 

4 – Adote a fertirrigação

A fertirrigação é uma forma útil de aproveitar os dejetos dos animais como recursos para os nutrientes do solo e ainda irrigar o pasto para ter alimento o ano inteiro. É uma forma moderna, sustentável e econômica para quem quer garantir qualidade na sua criação e no seu campo. Confira mais motivos para adotar a fertirrigação!

Agora você já sabe os primeiros pontos essenciais para começar a sua criação de gado. Desejamos sucesso no seu novo empreendimento! Boa sorte e conte conosco.

Compartilhar