Fique sabendo tudo o que for relacionado a irrigação.

Ver mais notícias

A estrutura da produção de leite na Europa

A estrutura da produção de leite na Europa

A União Européia (UE – somados os vinte e sete membros) é o maior produtor de leite do mundo. Segundo informações do Departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA), o bloco produziu 137,72 milhões de toneladas em 2009. Os maiores produtores de leite da UE são Alemanha (com cerca de 20% da produção), seguido por França (com 17,3% do total produzido no Bloco), Reino Unido (10%), Holanda (8,2% do total) e Itália (cerca de 7,8% da produção).

TAMANHO DAS PROPRIEDADES

Toda a produção da União Européia, segundo dados do próprio bloco, está distribuída em 1,43 milhão de estabelecimentos.

Isso corresponde à média de 93 mil litros de leite ao ano por propriedade, o equivalente a cerca de 255 litros de leite por dia por estabelecimento. O maior número de propriedades que exploram a atividade está na Romênia. São pouco mais de 1 milhão de estabelecimentos nesse país que possui pouquíssima representatividade na produção de leite total do bloco. Outro país com grande número de fazendas leiteiras é a Polônia (com 650 mil), seguida por Lituânia e Bulgária. São países do Leste Europeu cuja atividade leiteira é caracterizada como atividade de subsistência, produzindo 40 litros por dia por propriedade.

As propriedades que mais produzem leite na Europa estão localizadas na Dinamarca. Elas produzem, em média, 2,4 mil litros de leite por dia. O Reino Unido possui fazendas produzindo cerca de 1,3 mil litros/dia e a Holanda fazendas com produção média de 1,2 mil l/dia.

No entanto, os maiores produtores de leite da Europa, Alemanha e França, são caracterizados por produções um pouco menores, 770 l/dia/propriedade e 700 l/dia/propriedade, respectivamente.

PRODUÇÃO DE LEITE

As vacas mais produtivas, considerando a média por país, estão na Dinamarca, onde a produção média por vaca é de 18,44 litros de leite por dia. Em seguida vem a Holanda com produção média de 18 l/vaca/dia e Alemanha, com 15,7 l/vaca/dia. Na França as vacas produzem cerca de 8,2 litros por dia.

No Brasil, a Embrapa Gado de Leite mantém atualizado o Arquivo Zootecnico Nacional, que contém informações de rebanhos leiteiros de diferentes raças no Brasil. Entre as informações armazenadas estão o controle da produção de leite durante a lactação, a produção de gordura e duração da lactação de raças especializadas (Tabela 2). Na raça Holandesa, a média das lactações controladas é de 6.210 L/lactação ou 20 L/dia, considerando apenas a primeira lactação. O rebanho de gado Jersey produz 4.678 L/lactação, 15 L/dia, com 235 kg de gordura durante o período de 312 dias de lactação. A raça Girolando produz 4.012 L/lactação, que representa uma média de 14,5 litros por dia. Com uma produtividade menor estão as raças Gir e a Guzerá, ou seja, 2.731 e 1.976 L/lactação, respectivamente.

Lembrando que quando se fala em aumento de produtividade vaca leite dia, muitos são os fatores a serem observados. A qualidade da pastagem é um deles, conforme relata a produtora de leite gaúcha Bibiana:

 

Compartilhar