Geada: quais os impactos causados na plantação?

Efeitos da Geada na Plantação

Devido à queda de temperatura por causa do deslocamento da massa de ar polar, a geada surge como um fenômeno climático que deixa cristais de gelo pelas superfícies e pelas folhagens por onde passa. Sendo bastante comum nos estados do sul do Brasil (Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná), ela é bastante frequente durante a época do inverno e, geralmente, acontece nos momentos mais frios do dia.

Em função disso, a geada é considerada um dos fenômenos mais bonitos para se ver. Entretanto, esse evento pode causar impactos no meio ambiente, principalmente nas plantações, principalmente por ser uma das ocorrências naturais mais difíceis de prever.

Quer saber quais os impactos causados na plantação pela geada? Se você está com essa dúvida, fique tranquilo. Abaixo, vamos apresentar as principais consequências que a geada pode causar nas lavouras e quais os meios de preveni-las. Saiba mais!

Principais impactos da geada

Como já dissemos, a geada é uma camada fina de gelo que surge quando a temperatura está muito fria na região sul do país. Por causa disso, as plantações que acabam recebendo esse fenômeno em seus organismos podem sofrer alterações físicas em sua estrutura celular já que, em muitos casos, acabam congelando. Os resultados do congelamento são inúmeros, desde o rompimento da parede celular a até mesmo a morte parcial ou total dos produtos que estão crescendo na lavoura.

Mas não são somente as estruturas das plantas que são afetadas, uma vez que as formações dos cristais de água que entram em contato com os frutos e com o solo também acabam sendo prejudicados. A geada pode queimá-los, fazendo com que o agricultor perca quase todo o seu produto cultivado, impossibilitando a venda futura de seus frutos.

Meios de prevenção de geada nas lavouras

Para manter o cultivo durante o inverno, vários agricultores desenvolveram formas para que a geada não cause grandes impactos em suas plantações. Uma das maneiras é a cobertura de plástico: esse método é dos utilizados por agricultores de pimentão, tomate e pepino. A ideia é cobrir as áreas do cultivo com grandes lençóis de plástico, principalmente durante a noite, para dificultar a chegada da geada nos plantios durante o inverno.

Outra forma muito comum de evitar que a geada avance nos cultivos é o sombrite. Funciona basicamente como as coberturas de plástico, entretanto, as suas estruturas são feitas de um material mais resistente como uma tela. Geralmente, custa um pouco mais caro que o plástico. Os agricultores de produtos folhosos, como alface, radite e rúcula, usam essa técnica.

Alguns produtos precisam de geada

Por mais que a geada traga grandes problemas para muitos agricultores, em alguns cultivos a sua espera é desejada. Para as lavouras produzidas no inverno, como aveia, trigo e centeio triticale, a geada auxilia na fisiologia e na morfologia das espigas das plantas, dando maior resistência às doenças e o melhor desenvolvimento dos componentes estruturais desse tipo de planta.

Saiba sobre estiagem e os impactos para a produção

Já deu para saber quais os impactos da geada nas plantações, não é mesmo? Agora é só aplicar algumas dessas técnicas nos seus cultivos e compartilhar esse texto nas suas redes sociais para que todos os seus amigos aprendam sobre o assunto! Até o próximo post!