Fique sabendo tudo o que for relacionado a irrigação.

Ver mais notícias

Irrigação de pastagem por aspersão: qual tipo devo escolher?

Irrigação de pastagem por aspersão: qual tipo devo escolher?

Até pouco tempo, a irrigação de pasto era um conceito que não estava presente no agronegócio. Contudo, com o desenvolvimento de tecnologias para deixar plantas e animais com alta qualidade na produção, a atividade de irrigação de pastagem se tornou necessária neste meio.

Por causa disso, diversos sistemas surgiram para otimizar este processo, sendo um deles a irrigação de pastagem por aspersão. Mas você sabia que existem alguns modelos de trabalho deste sistema? Que tal conferir um pouco mais sobre eles? Então, acompanhe o texto abaixo!

O que é a irrigação de pastagem por aspersão

A irrigação por aspersão é feita através de divisões (com um ou mais jatos de água) que jorram inúmeras pequenas gotas no ar, como se fosse uma chuva. Justamente por essa semelhança que algumas pessoas apelidaram a irrigação por aspersão de “chuva artificial”.

Mas porque o nome “aspersão”? Na verdade não tem mistério algum, esse tipo de irrigação foi nomeado assim pois o mecanismo que faz a pulverização dos jatos de água de chama aspersor.

Mecanismo de irrigação Aspersor

Wikipedia

Este sistema é recomendado para quem trabalha com pastagem de gado e outras plantas que precisam estar sempre em condições ideais para o plantio, como, por exemplo, milho, batata e fumo.

Tipos de irrigação por aspersão

Podemos citar três sistemas de irrigação por aspersão, que são conhecidos como: convencional, pivô central e carretel autopropelido. Abaixo, trouxemos mais informações sobre cada um deles para que você possa escolher qual o melhor para seu caso!

1 – Irrigação por aspersão convencional

Também chamado de irrigação por aspersão por malha, este método também pode ser utilizado em cultivo de pastagens. Esses sistemas possuem aspersores com bocais e fluxos de água de tamanhos variados, dependendo sempre do tipo de projeto a ser executado. Existem dois tipos de aspersão por malha:

  • sistema permanente: nesse caso, as linhas laterais são enterradas, facilitando a mão de obra. Contudo, o gasto para se utilizar este serviço é maior, já que é preciso ter todo os instrumentos específicos para o seu funcionamento;
  • sistema portátil: nesse caso, não é necessária a compra de toda as linhas para fazer a irrigação na área desejada, mas a mão de obra será muito maior. Ou seja, o agricultor gasta menos, mas precisará trocar manualmente os tubos das áreas a serem irrigadas.

 

Irrigação de Pastagem

Rehago

Vantagens e desvantagens

Resumidamente, esse método não depende de sistematização de terreno, há maior aproveitamento de área cultivável e não é necessária a restrições de horários para uso.

É claro que também existem algumas desvantagens, assim como qualquer sistema de irrigação. A principal é o custo inicial de instalação, por causa de toda a mão de obra necessária para que o sistema esteja perfeitamente instalado. Em outros casos, a ação de ventos muito fortes podem dispersar os jatos de água ou em dias de calor extremo pode acontecer a evaporação de uma parte da água.

2 – Irrigação por pivô central

Como o próprio nome sugere, a irrigação por pivô central é conhecida pela movimentação circular do sistema, com aspersores laterais suspensos por suportes com rodas, que se movimentam ao redor do terreno para realizar a irrigação. Esse sistema pode ser movido através de energia elétrica ou diesel e costuma ser mais indicado para áreas extensas, por causa do seu custo de implantação.

Sistema portátil de Irrigação

Wikipedia

Vantagens e desvantagens

A grande vantagem desse sistema é que ele foi feito para irrigar áreas muito extensas, ou seja, o sistema consegue alcançar distâncias maiores, o que é ideal para quem produz em larga escala e precisa irrigar terrenos enormes.

As desvantagens desse método é que ele exige certa sistematização do terreno, que precisa ser circular, por exemplo. Além disso, há uma perda considerável da área cultivável, justamente por ser um sistema “em círculo”. O custo para instalação e manutenção também é elevado, então todos estes fatores precisam ser considerados na hora da escolha.

3 – Irrigação por aspersão de carretel autopropelido

Outro método muito utilizado no agronegócio é a irrigação por aspersão de carretel. Para quem trabalha com lavouras de pasto, milho e hortifruti, este recurso é um dos melhores do mercado. Como funciona através de energia hidráulica (turbina ou pistão), sua irrigação é ágil, e seu manejo é simples, perfeito para fazer chover no pasto na hora que desejar!

Irrigação por aspersão de carretel autopropelido

Próspera Carreteis Irrigat

Vantagens e desvantagens

As vantagens desse sistema são muitas, a principal delas é a flexibilidade para expandir a área alcançada ou até mesmo mudar de área, sempre utilizando o mesmo equipamento. Outras vantagens: não é necessária a sistematização do terreno, a área irrigada fica livre para máquinas passarem, facilidade de implantação e manutenção, além de ser prático de usar.

As desvantagens para esse tipo de aplicação são quase nulas. Assim como as outras, exige certo custo para a instalação e implementação, mas os preços costumam ser mais baixos comparados a outros tipos de irrigação. Assim como na aspersão convencional, pode ocorrer influências de ventos e do calor, mas esses problemas podem ser resolvidos, facilmente, com a mudança de horário da irrigação, evitando os fatores climáticos de determinadas estações do ano.

Entenda um pouco mais sobre a diferença dos sistemas de irrigação por aspersão!

Depoimento de como funciona na prática

Acreditamos que não há nada melhor do que o depoimento das pessoas que usam a irrigação de pastagem por aspersão para tirar todas as suas dúvidas e mostrar, na prática, quais são os benefícios e ganhos com esse sistema.

Por isso, deixamos com você o depoimento do Edson Kretschmann, produtor que buscava por um sistema de irrigação simples e prático, com menos canos e tubulações espalhados na sua lavoura! Ele conseguiu melhorar sua irrigação com o nosso sistema Irrigat e por isso fomos diretamente falar com ele para entender melhor a experiência!

Então, o que achou de saber sobre irrigação de pastagem por aspersão? Com essas informações, você já sabe qual escolher para o seu negócio! Por aqui, na Irrigat, você pode saber mais sobre este assunto e até mesmo entrar em contato conosco para fazer chover na hora certa em sua plantação! Estamos aqui para ouvir você, até mais!

Compartilhar